Václav Klaus

Václav Klaus
2.º Presidente da República Checa
Período 7 de março de 2003
a 7 de março de 2013
Antecessor(a) Václav Havel
Sucessor(a) Miloš Zeman
Presidente da Câmara dos Deputados da República Checa República Checa
Período 17 de julho de 1998
a 20 de junho de 2002
Antecessor(a) Miloš Zeman
Sucessor(a) Lubomír Zaorálek
Primeiro-ministro da República Checa República Checa
Período 1 de janeiro de 1993
a 17 de dezembro de 1997
Sucessor(a) Josef Tošovský
Dados pessoais
Nascimento 19 de junho de 1941 (76 anos)
Praga, Flag of Bohmen und Mahren.svg Protectorado de Boêmia e Morávia
Alma mater Universidade de Economia de Praga
Primeira-dama Livia Mištinová
Partido ODS
Religião Igreja Hussita da Checoslováquia
Profissão Economista
Residência Castelo de Praga
Assinatura Assinatura de Václav Klaus
Website http://www.klaus.cz/

Václav Klaus ( Praga, 19 de junho de 1941) é o ex- presidente da República Checa e ex- primeiro-ministro daquele país (entre 1992 e 1997). Economista de direita neoliberal [1], é considerado um dos mais importantes políticos tchecos desde a queda do comunismo.

Conhecido como um dos maiores eurocépticos, no entanto respeitado como um dos mais brilhantes economistas dentro da União Europeia, tendo uma grande ligação com os conservadores britânicos. Atrasou em vários meses a última assinatura necessária para que entrasse em vigor o Tratado de Lisboa, por considerar que ele permitiria que alemães expulsos do território checo dos Sudetos exigissem indenização ou retorno de suas propriedades destituídas pelos Decretos de Benes (do ex-presidente tchecoslovaco Edvard Beneš) depois do fim da Segunda Guerra Mundial.

Muitos observadores políticos entendem que Klaus é uma personalidade controversa. Escreveu um livro colocando em dúvida o aquecimento global (Modrá planeta v ohrožení) e considera ONGs como "entidades terroristas".

Biografia

Václav Klaus formou-se em Economia pela Universidade de Economia de Praga (com especialização em comércio exterior, graduando-se em 1963). Aproveitou a relativa liberalização na Tchecoslováquia para estudar em universidades na Itália (1966) e na Universidade de Cornell, nos EUA (1969).

Atuou em diversos cargos no Banco Estatal da Tchecoslováquia, entre 1971 e 1986, no ano seguinte, ingressou no Instituto de Prognósticos da Academia de Ciências.

Klaus é casado com a economista eslovaca Livia Klausová, tem dois filhos e cinco netos. Na juventude, se destacou como atleta de alto nível, principalmente no Basquete e no Voleibol. Também gosta de jogar Tênis e esquiar. Publicou vários livros desde 1965, cujos temas se concentram em questões de macroeconomia, equilíbrio econômico, política monetária, inflação, comparação de sistemas econômicos e história da teoria econômica. Nos últimos anos, emitiu uma série de publicações que tratam sobre a reforma econômica e da política econômica durante o período de transição. Vários de seus livros foram traduzidos para diversas línguas e publicados no exterior.

En otros idiomas
Alemannisch: Václav Klaus
azərbaycanca: Vatslav Klaus
беларуская: Вацлаў Клаус
беларуская (тарашкевіца)‎: Вацлаў Клаўс
български: Вацлав Клаус
català: Václav Klaus
čeština: Václav Klaus
Deutsch: Václav Klaus
dolnoserbski: Václav Klaus
Ελληνικά: Βάτσλαφ Κλάους
English: Václav Klaus
Esperanto: Václav Klaus
español: Václav Klaus
euskara: Václav Klaus
français: Václav Klaus
Gaeilge: Václav Klaus
Gàidhlig: Václav Klaus
hornjoserbsce: Václav Klaus
Bahasa Indonesia: Václav Klaus
Ilokano: Václav Klaus
italiano: Václav Klaus
Basa Jawa: Václav Klaus
қазақша: Вацлав Клаус
Lëtzebuergesch: Václav Klaus
lumbaart: Václav Klaus
lietuvių: Václav Klaus
latviešu: Vāclavs Klauss
Nederlands: Václav Klaus
norsk nynorsk: Václav Klaus
occitan: Václav Klaus
Runa Simi: Václav Klaus
română: Václav Klaus
русский: Клаус, Вацлав
Simple English: Václav Klaus
slovenčina: Václav Klaus
slovenščina: Václav Klaus
српски / srpski: Вацлав Клаус
svenska: Václav Klaus
Türkçe: Václav Klaus
українська: Вацлав Клаус
oʻzbekcha/ўзбекча: Václav Klaus
Tiếng Việt: Václav Klaus
Yorùbá: Václav Klaus