Utilitarismo

Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde outubro de 2014). Por favor, mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O utilitarismo é uma doutrina ética defendida principalmente por Jeremy Bentham e John Stuart Mill que afirma que as ações são boas quando tendem a promover a felicidade e más quando tendem a promover o oposto da felicidade. [1]

Filosoficamente, pode-se resumir a doutrina utilitarista pela frase: Agir sempre de forma a produzir a maior quantidade de bem-estar (Princípio do bem-estar máximo).

Trata-se então de uma moral eudemonista, mas que, ao contrário do egoísmo, insiste no fato de que devemos considerar o bem-estar de todos e não o de uma única pessoa.

Antes de quaisquer outros, foram Jeremy Bentham (1748-1832) e John Stuart Mill (1806-1873) que sistematizaram o princípio da utilidade e conseguiram aplicá-lo a questões concretas – sistema político, legislação, justiça, política econômica, liberdade sexual, emancipação feminina, etc.

Em Economia, o utilitarismo pode ser entendido como um princípio ético no qual o que determina se uma decisão ou ação é correta, é o benefício intrínseco exercido à coletividade, ou seja, quanto maior o benefício, tanto melhor a decisão ou ação será.

Princípio da Utilidade

John Stuart Mill foi um dos filósofos que se debruçaram sobre o princípio da utilidade

Bentham expõe o conceito central da utilidade no primeiro capítulo do livro Introduction to the Principles of Morals and Legislation (“Introdução aos princípios da moral e legislação”), da seguinte forma:

“Por princípio da utilidade, entendemos o princípio segundo o qual toda a ação, qualquer que seja, deve ser aprovada ou rejeitada em função da sua tendência de aumentar ou reduzir o bem-estar das partes afetadas pela ação. (...) Designamos por utilidade a tendência de alguma coisa em alcançar o bem-estar, o bem, a beleza, a felicidade, as vantagens, etc. O conceito de utilidade não deve ser reduzido ao sentido corrente de modo de vida com um fim imediato."

En otros idiomas
Alemannisch: Utilitarismus
አማርኛ: ጥቅማዊነት
العربية: نفعية
azərbaycanca: Utilitarizm
български: Утилитаризъм
català: Utilitarisme
čeština: Utilitarismus
Deutsch: Utilitarismus
Ελληνικά: Ωφελιμισμός
Esperanto: Utilismo
español: Utilitarismo
euskara: Utilitarismo
français: Utilitarisme
galego: Utilitarismo
עברית: תועלתנות
hrvatski: Utilitarizam
Հայերեն: Ուտիլիտարիզմ
Bahasa Indonesia: Utilitarianisme
íslenska: Nytjastefna
italiano: Utilitarismo
日本語: 功利主義
Basa Jawa: Utilitarianisme
қазақша: Утилитаризм
한국어: 공리주의
къарачай-малкъар: Утилитаризм
Kurdî: Sûdgirî
Кыргызча: Утилитаризм
lietuvių: Utilitarizmas
latviešu: Utilitārisms
македонски: Утилитаризам
Bahasa Melayu: Utilitarianisme
Nederlands: Utilitarisme
occitan: Utilitarisme
polski: Utylitaryzm
română: Utilitarism
русский: Утилитаризм
srpskohrvatski / српскохрватски: Utilitarizam
Simple English: Utilitarianism
slovenčina: Utilitarizmus
српски / srpski: Утилитаризам
svenska: Utilitarism
Tagalog: Utilitarismo
Türkçe: Yararcılık
українська: Утилітаризм
Tiếng Việt: Chủ nghĩa vị lợi
Winaray: Utilitarismo
中文: 效益主義
粵語: 功用主義