Trunks

Ni hon go2.pngEste artigo contém texto em japonês.
Sem suporte multilingual apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de kanji ou kana.
Trunks Briefs
À esquerda, o Trunks do presente. À direita, o Trunks do futuro.
Primeira aparição(Trunks do futuro)
Dragon Ball cap. 331
Dragon Ball Z ep. 119

(Trunks do presente)
Dragon Ball cap 337
Dragon Ball Z ep 126
Última aparição(Trunks do futuro)
Dragon Ball cap. 420
Dragon Ball Z ep. 194
Dragon Ball Super ep. 67

(Trunks do presente)
Dragon Ball Super ep 131
Criado porAkira Toriyama
VozesJapão Takeshi Kusao
Portugal Henrique Feist
Portugal Vasco Machado (Filmes 10 e 11)
Brasil Marcelo Campos (DBZ, DBGT e DBSuper - Adulto e do Futuro)
Brasil Diogo Marques (DBZ - Criança)
Brasil Ricardo Sawaya (DBZ - O Poder Invencível)
Brasil Ricardo Teles (DBKai, Do Futuro)
Brasil Daniel Figueira (DBKai, Criança)
Brasil Viny Takahashi (DBSuper - A Batalha dos Deuses)
Brasil Marina Santana (DBSuper, Criança)
Perfil
EspécieHumano (descendente de Sayajin)
Vida no animangá
FamíliaVegeta (pai)
Bulma (mãe)
Bra (irmã)
Tarble (tio)
Rei Vegeta (Avô Paterno)
Sra. Brief(Avó materna)
Dr. Brief (Avô Materno)
Membro deGuerreiros Z
Portal Animangá

Trunks Briefs (トランクスブリーフ, Torankusu Burīfu?) é um personagem fictício do mangá e anime Dragon Ball criado por Akira Toriyama. Ele fez sua estréia no capítulo # 331 conhecido como O Jovem Misterioso (謎 の 少年, Nazo no Shōnen ??), publicado pela primeira vez na revista Weekly Shōnen Jump em 15 de julho de 1991.[1] Existem dois Trunks na série sendo que o primeiro que apareceu foi o Trunks do Futuro (未来のトランクス, Mirai no Torankusu??), a versão adulta que viajou no tempo para avisar os Guerreiros Z sobre a ameaça de inimigos mortais. Essa versão também participa de Dragon Ball Super. A outra versão é o Kid Trunks, versão criança do presente e que participa de Dragon Ball GT. Ele apareceu pela primeira vez como um bebê no capítulo # 337, O Encontro dos Super Guerreiros (集 う 超戦 士た ち, Tsudō Super Senshi-tachi ??), publicado em 26 de agosto de 1991.

Trunks do Futuro

Linha do Tempo 1

O Trunks do Futuro, veio de uma dimensão catastrófica, 20 anos à frente, onde Goku morreu de um vírus cardíaco e os Guerreiros Z foram assassinados pelos Androides 17 e 18 construídos pelo Dr. Maki Gero, cientista da Força Red Ribbon, que foi destruída por Goku.[2][3][4]

Gohan foi o único que sobreviveu e treinou Trunks na esperança de vencerem os Androides. Depois de algum tempo, Gohan também foi morto pelos Androides. Posteriormente, furioso com a morte de Gohan, Trunks se transforma em Super Sayajin. Passados 3 anos, Trunks já tinha sido derrotado várias vezes pelos Androides e então, com uma máquina do tempo construída por Bulma, ele volta ao passado. Lá, ele encontra Freeza e Rei Cold que invadiram a Terra em busca de Goku. Trunks derrota os dois facilmente, após se revelar como Super Saiyajin.[5] Em seguida, ele chama Goku para uma conversa em particular, e avisa sobre os Androides, dando um remédio a Goku para evitar que ele morra de uma doença no coração.[6] Depois disso, Trunks volta ao seu futuro enquanto Goku e os outros treinam para derrotar os Androides.[7]

No entanto, Trunks muda o rumo da história, já que na linha do tempo original, Freeza e Rei Cold deveriam ser derrotados por Goku que, apesar de sua nave demorar algumas horas pra chegar à Terra, ele usaria o teletransporte. A máquina do tempo de Trunks possui uma deficiência que faz com que a dimensão temporal seja duplicada, ocasionando em duas realidades distintas.

Nesta mesma época, o computador do Dr. Gero decide por conta própria reativar um projeto antigo que ele mesmo havia abandonado, o projeto do Androide Cell. Tratava-se de um projeto de um ser biológico criado a partir de células dos maiores lutadores de artes marciais do Universo. O projeto havia sido abandonado porque demandava bastante tempo e Gero se dedicava a outros modelos de Androides. Com a vinda de Freeza e Cold, o computador decidiu coletar as células destes seres para incluir no projeto Cell.

Trunks teria voltado ao passado, onde conseguiria o controle remoto que servia para desativar os Androides e assim, volta para sua época, onde elimina os Androides de sua linha temporal. Nesta mesma época, Cell nasce e começa a absorver os corpos dos seres humanos até ficar forte o suficiente para enfrentar os Androides 17 e 18 e então absorvê-los, mas não os encontra porque eles já foram eliminados. Estando ciente de sua viagem no tempo, Cell assassina Trunks e rouba sua máquina, apertando um botão pré-programado para uma determinada época (um ano antes da época da primeira viagem de Trunks) e assim retorna ao estado de casulo, já que era grande demais para caber na máquina. Com isso, todos os Guerreiros Z acabaram sendo mortos nessa dimensão. Essa seria a linha do tempo original de Dragon Ball, onde todos os fatos teriam ocorrido se não houvesse as interferências temporais causadas pelas viagens de Trunks e Cell.[8]

Linha do Tempo 2

Sabe-se que o Trunks da Linha do Tempo 1 teria voltado para essa época, matado Freeza e Cold; avisado Goku e os Guerreiros Z e posteriormente; ajudado a derrotar os Androides no passado; retornando em seguida para o seu mundo com o controle remoto; onde destruiu os da sua época, mas depois foi assassinado por Cell. Goku e os Guerreiros Z sobreviveram nesse mundo e não se sabe se encontraram com o Cell dessa dimensão.[8]

Linha do Tempo 3

Essa é a linha do tempo principal em que se passa a história do Universo Dragon Ball. O Cell da Linha do Tempo 1, voltou para essa época e criou mais essa dimensão, duplicando também o Universo do Trunks do Futuro - o que explica porque existiram dois Trunks, em que um havia morrido em sua linha do tempo original. Cell havia chegado um ano antes da chegada do Trunks da Linha do Tempo 4.[8] Assim como na Linha do Tempo 2, esse mesmo Trunks mata Freeza e Rei Cold; avisa sobre os Androides; entrega à Goku o remédio para a doença do coração e depois volta para sua época. Sua vinda no passado, também altera o tempo.

Como resultado disso, Trunks volta ao passado e encontra os Guerreiros Z lutando com Androides diferentes do seu futuro. Estes eram os Androides Nº 19 e Nº 20, (este último era o próprio Dr. Maki Gero). Essa nova volta de Trunks, modifica mais uma vez o futuro. Vegeta destrói o Androide 19, porém o Dr. Gero escapa e chega até seu laboratório para despertar os Androides Nº 17 e Nº 18. Contudo eles não o obedecem e após matarem o Dr. Gero, despertam o Androide Nº 16 (mais um robô que Trunks nunca havia visto no futuro). Vegeta, muito confiante (pois já tinha se transformado em Super Saiyajin) parte atrás dos Androides para lutar. A Androide 18 consegue derrotá-lo, enquanto o Nº 17, vence Trunks e os outros Guerreiros Z, deixando-os a beira da morte. Os Androides ignoram os guerreiros Z e partem atrás de Goku (que estava doente na casa do Mestre Kame). Mais tarde, Trunks disse que os Androides dessa época eram mais poderosos do que aqueles que ele conheceu no futuro e que eles não eram tão cruéis como na sua época.

Alguns dias depois, Trunks, Bulma e Gohan encontram uma outra máquina do tempo que era muito semelhante a de Trunks e descobrem que um monstro havia viajado nela. Logo, Trunks percebe que a máquina estava lá há quatro anos e que foi por causa dela, que o passado mudou tanto. Piccolo, que havia se fundido com Kami-Sama para enfrentar os Androides, encontrou esse ser conhecido como Cell.

De acordo com a história que Cell conta à Piccolo no episódio 143 de Dragon Ball Z, Freeza e Rei Cold foram mortos por Trunks e não por Goku. Esta história difere da história original onde Goku mata Freeza e Cold, apontando que ou houve erro de roteiro, ou Cell, bem como o Trunks assassinado por ele, não pertenciam à mesma linha de tempo do Trunks da história original, nem do Trunks que estava colaborando com os guerreiros do presente.

Cell consegue escapar, após Trunks e Kuririn aparecerem para ajudar Piccolo. Conhecendo a história de Cell, Trunks e Kuririn destroem o laboratório do Dr. Gero e assim, o Cell que nasceria nessa época, deixa de existir. Eles também encontram os planos do Androide 17 e pedem para Bulma construir um controle remoto para destruir os Androides.

Agora, com mais um problema para resolver, Goku, que já tinha se recuperado da doença, leva Trunks e Vegeta para treinarem na Sala do Tempo, para assim superarem a força de um Super Sayajin. Cell derrota Piccolo e consegue absorver o Androide 17, evoluindo para a sua segunda forma. No entanto, Vegeta e Trunks deixam a Sala do Tempo e partem para enfrentá-lo. Vegeta, com seus novos poderes derrota Cell facilmente. Porém, por causa de seu orgulho, ele acaba permitindo que o vilão partisse atrás da Número 18, pois queria um adversário mais forte. Trunks tenta impedi-lo de absorver a Androide 18, mas não consegue, por causa da intervenção de Vegeta. Cell, agora com seu corpo perfeito, derrota Vegeta facilmente e quando está prestes a matá-lo, Trunks entra em ação. Ele mostra que ficou muito mais forte que seu pai, atingindo a forma de Ultra Super Sayajin. Contudo, sua velocidade diminuiu muito e ele acaba sendo derrotado.

Dez dias depois, Trunks participa com os outros Guerreiros Z do "Jogo de Cell", torneio que decidiria o destino da Terra. Gohan, que havia se transformado em Super Saiyajin 2 estava vencendo Cell, até o momento em que ele resolveu se autodestruir e assim, explodir toda a Terra. Goku sacrifica sua vida levando Cell ao planeta do Sr. Kaioh. No entanto, Cell volta à Terra com um poder ainda maior e assassina Trunks. Vegeta, em um ato de fúria por ver seu filho ser morto diante de seus olhos, ataca Cell ferozmente, embora não fosse capaz de vencê-lo. A relação de pai e filho de Vegeta e Trunks foi mostrada ao longo da Saga, como difícil, muito em parte pelo gênio de Vegeta.

Após Gohan vencer o poderoso Cell, Trunks é ressuscitado pelas Esferas do Dragão. Posteriormente, ele fica sabendo por Yamcha que Vegeta tinha partido para cima de Cell quando ele o matou, ganhando assim, admiração por seu pai, que se despediu dele junto com seus amigos. Depois desses eventos, houve a Saga Boo, com o Trunks do Presente, agora com apenas oito anos de idade e Goten, que teria nascido apenas nessa dimensão (e possivelmente, na Linha do Tempo 2).

Linha do Tempo 4

Essa é a linha do tempo original do Trunks visto durante a Saga Cell.[8] Ele retorna para o seu mundo e agora com seu poder aumentado após o treinamento na Sala do Tempo (após os acontecimentos da Linha Temporal 3), elimina definitivamente os Androides 17 e 18 de sua época. Algum tempo depois, o Cell da dimensão desse Trunks, também aparece querendo roubar sua máquina do tempo. Como Trunks já conhecia a história de Cell (que se se encontrava em sua primeira forma), o destrói facilmente. Com isso, o futuro dessa dimensão (que seria o mesmo da Linha do Tempo 1) também sofre alterações. Trunks passa a viver em paz, com sua mãe Bulma, até a fase de Dragon Ball Super.

Trunks realizando a Dança Metamoru ao lado de Goten.
En otros idiomas
العربية: ترانكس
کوردی: ترانکس
dansk: Trunks
español: Trunks
euskara: Trunks
suomi: Trunks
français: Trunks
galego: Toranks
magyar: Trunks
Bahasa Indonesia: Trunks
italiano: Trunks
lietuvių: Tranksas
Nederlands: Trunks
shqip: Trunks
Tiếng Việt: Trunks
中文: 特南克斯