Sistema Kunrei

Kunreisiki (訓令式 "Sistema ordenado pelo Gabinete", romanizado Kunrei-shiki no sistema Hepburn) é um sistema de romanização, que serve para transcrever os sons da Língua japonesa para o alfabeto romano.

Kunreisiki também é conhecido como o sistema Monbushō ( Ministério da Educação Japonês, ou 文部省) no exterior, porque se ensina na grade curricular da escola primária do Monbushō. Porém no Japão este nome nunca foi empregado. O sistema Kunrei-shiki também é conhecido pelo ISO 3602, pois se converteu em padrão da ISO (Organização Internacional para Padronização).

O sistema Kunreisiki se baseia no sistema anterior, Nipponsiki (ou Nihon-shiki), porém modificado para adaptar-se ao padrão do japonês moderno. Por exemplo, a palavra かなづかい, romanizada kanadukai em Nipponsiki, se pronuncia kanazukai no japonês moderno, e como tal o sistema Kunreisiki utiliza esta forma para escrevê-la.

Legalidade

O sistema foi promulgado originalmente como Ordem nº 3 do Gabinete Japonês de 21 de setembro de 1937. Mas como esta ordem foi derrubada pelo SCAP durante a ocupação do Japão, o governo a revogou e voltou a decretá-la como Ordem nº 1 do Gabinete Japonês de 29 de dezembro de 1954.

Kunreisiki foi reconhecido, junto com Nipponsiki, no ISO 3602:1989. Documentação--Romanização do Japonés (escrita kana) pela Organização Internacional para Padronização (ISO). Também foi reconhecido pelo Instituto Estado-unidense de Padrões Nacionais (ANSI) depois de retirarem seu próprio padrão, ANSI Z39.11-1972 Sistema Padrão Nacional Estado-unidense para a Romanização do Japonês ( Hepburn modificado), em 1994.

En otros idiomas
català: Kunrei-shiki
Deutsch: Kunrei-System
Esperanto: Kunrei-sistemo
español: Kunrei-shiki
français: Kunrei
Bahasa Indonesia: Alih aksara Kunrei-shiki
italiano: Sistema Kunrei
日本語: ISO 3602
polski: Kunrei
русский: Кунрэй-сики
Basa Sunda: Kunrei-shiki
Yorùbá: ISO 3602
Bân-lâm-gú: ISO 3602