Siso

Um dente do siso extraído

Os terceiros molares (mais conhecidos como dentes do siso ou dentes do juízo) são os últimos dentes a se desenvolver no ser humano. Em sua maior parte cada pessoa tem quatro sisos, um em cada canto da boca. Normalmente desenvolvem-se entre os 16 e os 20 anos. [1] Em alguns lugares do Brasil, especialmente na Região Nordeste, ainda se usa a denominação dente queiro. [2] [3]

Antigamente, o dente do siso ajudava na mastigação de raízes, nozes e carnes cruas. Porém devido ao menor desenvolvimento dos maxilares devido a uma dieta contemporânea cada vez mais pastosa, os terceiros molares acabam não encontrando espaço na arcada dentária para crescerem normalmente, ocasionando um apinhamento dos demais dentes, sendo então, muitas vezes, recomendada a sua extração. [4]

No sexo feminino, a extração do siso é mais frequente durante a adolescência, enquanto no sexo masculino, a extração é mais frequente na idade adulta. Este fato ocorre pois, nos homens, a extração do siso acarreta muito mais dor do que nas mulheres[ carece de fontes?].

Atualmente o dente é considerado desnecessário para o desenvolvimento humano. Os dentes do siso primeiro nascem em forma de dente de criança (de leite) logo após o período de certo tempo eles caem e nascem em forma de dentes permanentes.

En otros idiomas
العربية: ضرس العقل
azərbaycanca: Ağıl dişi
bosanski: Umnjak
čeština: Zub moudrosti
Deutsch: Weisheitszahn
Ελληνικά: Φρονιμίτης
English: Wisdom tooth
فارسی: دندان عقل
français: Dent de sagesse
עברית: שן בינה
हिन्दी: अकल दाढ़
Bahasa Indonesia: Gigi bungsu
日本語: 親知らず
한국어: 사랑니
Bahasa Melayu: Gigi bongsu
Nederlands: Verstandskies
русский: Зуб мудрости
Simple English: Wisdom teeth
slovenčina: Zub múdrosti
српски / srpski: Умњак
svenska: Visdomstand
українська: Зуби мудрості
Tiếng Việt: Răng khôn
中文: 智齿
Bân-lâm-gú: Tì-hūi-khí