Ringo Starr
English: Ringo Starr

Ringo Starr
Ringo Starr em 2013.
Informação geral
Nome completoRichard Starkey
Também conhecido(a) como"Ringo Starr", " Ritchie"
Nascimento7 de julho de 1940 (78 anos)
OrigemLiverpool, Inglaterra
PaísReino Unido
Gênero(s)Rock, pop rock, rock psicodélico, folk rock, world music
CônjugeMaureen Cox (1965–1975)
Barbara Bach (1981–presente)
Instrumento(s)Bateria, violão, guitarra, percussão, piano, tímpano, vocal.
Período em atividade1957 – atual
Outras ocupaçõesCantor, ator
Gravadora(s)Parlophone, United Artists, Capitol, Apple, Swan, Vee-Jay, Tollie, Atlantic, RCA, Mercury, Koch, Private Music, Boardwalk, Rykodisc
Afiliação(ões)
Página oficialwww.ringostarr.com
Ringo Starr signature, Billboard Open Letter 2016.png

Voz de Ringo Starr

Sir Richard Starkey, Kt, MBE[1] (Liverpool, 7 de julho de 1940),[2] mais conhecido pelo seu nome artístico Ringo Starr, é um músico, baterista, multi-instrumentista, cantor, compositor e ator britânico, que ganhou fama mundial como baterista dos Beatles após substituir Pete Best, ficando nos Beatles até a separação do grupo em 1970. Quando a banda foi formada em 1960, Starr era membro de outra banda de Liverpool, Rory Storm and the Hurricanes. Além de atuar como baterista, Starr foi intérprete de canções de sucesso dos Beatles (em particular, "With a Little Help from My Friends" e "Yellow Submarine"), como co-autor em "What Goes On" e compôs "Don't Pass Me By" e "Octopus's Garden".

Ringo é conhecido pelo seu estilo seguro de tocar e pelos seus toques de originalidade. O apelido Ringo surgiu por causa dos anéis que Ringo gostava de usar (ring quer dizer anel em inglês). Ele também é vegetariano, assim como outros integrantes dos Beatles, Paul McCartney e George Harrison. Em 2011, Starr foi eleito o 4.º maior baterista de todos os tempos pela revista Rolling Stone. Ele foi introduzido no hall da fama Modern Drummer em 1998.[3]

Starr, que já havia sido introduzido no Hall da Fama do Rock and Roll como um Beatle em 1988, foi introduzido por sua carreira solo em 2015, fazendo dele um dos 21 artistas introduzidos mais de uma vez.[4] Ele foi apontado sir nas honras de ano novo de 2018 por seus serviços para a música.[5]

1940–1956: Primeiros anos

Local de nascimento de Starr em Madryn Street, Dingle, Liverpool, em maio de 2013

Richard Starkey nasceu em 7 de julho de 1940, na 9 Madryn Street, em Dingle, Liverpool. Ele era o único filho dos confeiteiros Richard Starkey (1913-1981) e Elsie Gleave (1914-1987).[6] Elsie gostava de cantar e dançar, um hobby que ela compartilhava com o marido, um ávido fã de swing.[7] Antes do nascimento de seu filho - que eles apelidaram de "Ritchie" - o casal passava grande parte do seu tempo livre no circuito de salão local, mas seus passeios regulares terminaram logo após seu nascimento.[8] Elsie adotou uma abordagem superprotetora para criar seu filho que beirava a fixação. Posteriormente, "Big Ritchie", como o pai de Starkey se tornou conhecido, perdeu o interesse por sua família, optando por passar longas horas bebendo e dançando em bares, às vezes por vários dias consecutivos.[8]

Em um esforço para reduzir seus custos de moradia, sua família mudou-se em 1944 para outro bairro em Dingle, Admiral Grove; logo depois seus pais se separaram e se divorciaram no decorrer do ano.[9] Starkey mais tarde afirmou que ele "não tem lembranças reais" de seu pai, que fez pouco esforço para se relacionar com ele, visitando apenas três vezes depois disso.[10] Elsie achava difícil sobreviver com os pagamentos de apoio de seu ex-marido de trinta xelins por semana, então ela assumiu vários empregos servis na limpeza de casas antes de garantir uma posição como garçonete local, uma ocupação que ela manteve por doze anos.[11]

Residência de Starr durante a infância na 10 Admiral Grove, Dingle, Liverpool, em 2010

Aos seis anos, Starkey desenvolveu apendicite. Após uma apendicectomia de rotina, ele contraiu peritonite, fazendo com que ele caísse em coma durante dias.[12] Sua recuperação durou doze meses, que ele passou longe de sua família no hospital infantil Myrtle Street, em Liverpool.[13] Após sua alta em maio de 1948, sua mãe permitiu que ele ficasse em casa, fazendo com que ele deixasse de ir à escola.[14] Aos oito anos, ele permaneceu analfabeto, com uma má compreensão da matemática.[14] Sua falta de educação contribuiu para um sentimento de alienação na escola, o que resultou em sua participação regular no Sefton Park.[15] Após vários anos tendo aulas duas vezes por semana com sua irmã e a sua vizinha, Marie Maguire Crawford, Starkey quase alcançou academicamente seus pares, mas em 1953 contraiu tuberculose e foi internado em um sanatório, onde permaneceu por dois anos.[16] Durante sua permanência, a equipe médica fez um esforço para estimular a atividade motora e aliviar o tédio, incentivando seus pacientes a ingressar na banda do hospital, levando à sua primeira exposição a um instrumento de percussão: um martelo improvisado feito de uma bobina de algodão que ele usava para batucar nos armários ao lado de sua cama.[17] Logo depois, ele se tornou cada vez mais interessado em tocar bateria, recebendo uma cópia da canção de Alyn Ainsworth, "Bedtime for Drums", como um presente de convalescença de Crawford.[18] Starkey comentou: "Eu estava na banda do hospital ... É onde eu realmente comecei a tocar. Eu nunca mais quis nada a partir daí ... Meus avós me deram um bandolim e um banjo, mas eu não os queria. Meu avô me deu uma gaita ... nós tínhamos um piano - nada, só a bateria. "[19]

Starkey frequentou St Silas, uma escola primária da Igreja da Inglaterra perto de sua casa, onde seus colegas o apelidaram de "Lázaro", e mais tarde a escola secundária Dingle Vale, onde demonstrou aptidão para a arte e o teatro, além de matérias práticas, incluindo mecânica.[20] Como resultado das hospitalizações prolongadas, ele ficou para trás de seus colegas em nível escolar e foi inelegível para o eleven plus, exame de qualificação exigido para frequentar uma escola primária.[21] Em 17 de abril de 1954, a mãe de Starkey se casou com Harry Graves no cartório em Mount Pleasant, Liverpool.[22] Ele era um londrino que se mudou para Liverpool após o fracasso de seu primeiro casamento. Graves, um apaixonado fã de big band e seus vocalistas, apresentou Starkey para gravações de Dinah Shore, Sarah Vaughan e Billy Daniels.[23] Graves afirmou que ele e "Ritchie" nunca tiveram uma convivência desagradável entre eles; Starkey comentou mais tarde: "Ele foi ótimo ... aprendi gentileza com Harry."[24] Após a prolongada permanência hospitalar após a recuperação de Starkey da tuberculose, ele não retornou à escola, preferindo ficar em casa e ouvir música enquanto brincava batendo latas de biscoito com pedaços de pau.[25]

O biógrafo dos Beatles, Bob Spitz, descreveu a educação de Starkey como "uma crônica de miséria de Dickens".[26] Casas na área eram "mal ventiladas, do tamanho de um selo postal ... remendadas por paredes de gesso desmoronando, com uma porta traseira que se abria para um banheiro externo".[26] Crawford comentou: "Como todas as famílias que viviam no Dingle, ele fazia parte de uma luta contínua para sobreviver".[26] As crianças que moravam lá passavam a maior parte do tempo em Princes Park, escapando do ar cheio de fuligem de seu bairro movido a carvão.[26] Somando-se às suas circunstâncias difíceis, o crime violento era uma preocupação quase constante para as pessoas que viviam em um dos bairros mais antigos e mais pobres do centro da cidade de Liverpool.[27] Starkey comentou mais tarde: "Você mantinha a cabeça abaixada, os olhos abertos e não entrava no caminho de ninguém".[28]

Depois de voltar do sanatório no final de 1955, Starkey entrou no mercado de trabalho, mas carecia de motivação e disciplina; suas tentativas iniciais de emprego remunerado não tiveram sucesso.[29] Em um esforço para garantir-se algumas roupas quentes, ele realizou brevemente o trabalho de um trabalhador ferroviário, que veio com um terno emitido pelo empregador. Ele foi fornecido com um chapéu, mas não uniforme e, incapaz de passar no exame físico, ele foi demitido e foi lhe concedido subsídio de desemprego.[30] Ele então encontrou trabalho como garçom servindo bebidas em um barco que viajou de Liverpool para North Wales, mas seu medo de recrutamento para o serviço militar levou-o a deixar o emprego, não querendo dar à Marinha Real a impressão de que ele era adequado para trabalho marítimo.[31] Em meados de 1956, Graves garantiu a Starkey uma posição como aprendiz de mecânico em um fabricante de equipamentos de Liverpool. Enquanto trabalhava na instalação, Starkey fez amizade com Roy Trafford, e os dois se uniram por causa de seu interesse pela música.[32] Trafford introduziu Starkey ao skiffle, e ele rapidamente se tornou um fervoroso admirador.[32]

En otros idiomas
العربية: رينغو ستار
asturianu: Ringo Starr
Aymar aru: Ringo Starr
azərbaycanca: Rinqo Star
تۆرکجه: رینقو استار
беларуская: Рынга Стар
беларуская (тарашкевіца)‎: Рынга Стар
български: Ринго Стар
Bislama: Ringo Starr
bosanski: Ringo Starr
català: Ringo Starr
нохчийн: Ринго Старр
čeština: Ringo Starr
Cymraeg: Ringo Starr
Deutsch: Ringo Starr
Ελληνικά: Ρίνγκο Σταρ
English: Ringo Starr
Esperanto: Ringo Starr
español: Ringo Starr
euskara: Ringo Starr
føroyskt: Ringo Starr
français: Ringo Starr
Gaeilge: Ringo Starr
Gàidhlig: Ringo Starr
galego: Ringo Starr
hrvatski: Ringo Starr
magyar: Ringo Starr
հայերեն: Ռինգո Սթար
interlingua: Richard Starkey
Bahasa Indonesia: Ringo Starr
íslenska: Ringo Starr
italiano: Ringo Starr
ქართული: რინგო სტარი
қазақша: Ринго Старр
한국어: 링고 스타
Lëtzebuergesch: Ringo Starr
lietuvių: Ringo Starr
latviešu: Ringo Stārs
македонски: Ринго Стар
монгол: Ринго Старр
مازِرونی: رینگو استار
Nāhuatl: Ringo Starr
Nederlands: Ringo Starr
norsk nynorsk: Ringo Starr
occitan: Ringo Starr
Kapampangan: Ringo Starr
polski: Ringo Starr
Piemontèis: Ringo Starr
română: Ringo Starr
русский: Ринго Старр
sicilianu: Ringo Starr
srpskohrvatski / српскохрватски: Ringo Starr
Simple English: Ringo Starr
slovenčina: Ringo Starr
slovenščina: Ringo Starr
српски / srpski: Ринго Стар
svenska: Ringo Starr
Kiswahili: Ringo Starr
Tagalog: Ringo Starr
Türkçe: Ringo Starr
українська: Рінго Старр
Tiếng Việt: Ringo Starr
Winaray: Ringo Starr
ייִדיש: רינגא סטאר
Bân-lâm-gú: Ringo Starr
粵語: 靈高史達
isiZulu: Ringo Starr