Reino da Prússia

Disambig grey.svg Nota: Para a região histórica da Europa Oriental, veja Prússia.



Königreich Preußen
Reino da Prússia
1701 – 1918Flag of Germany (3-2 aspect ratio).svg
FlagBrasão
BandeiraReal brasão de armas
Hino nacional
Preußenlied


Localização de Prússia
O Reino da Prússia em 1871
ContinenteEuropa
RegiãoEuropa Central
PaísAlemanha, Bélgica, Dinamarca, Lituânia, Polônia, República Tcheca e Rússia
CapitalBerlim
Língua oficialAlemão
Outros idiomasBaixo-alemão, polonês, dinamarquês, lituano, frísio, baixo sorábio e cassubiano
ReligiãoLuteranismo e catolicismo
GovernoMonarquia
Rei
 • 1701–1713Frederico I
 • 1713–1740Frederico Guilherme I
 • 1740–1786Frederico II
 • 1786–1797Frederico Guilherme II
 • 1797–1840Frederico Guilherme III
 • 1840–1861Frederico Guilherme IV
 • 1861–1888Guilherme I
 • 1888Frederico III
 • 1888–1918Guilherme II
Primeiro-Ministro
 • 1848 (primeiro)Adolf Heinrich
 • 1918 (último)Maximiliano de Baden
LegislaturaPreußischer Landtag
 - Câmara altaCâmara dos Lordes
 - Câmara baixaCâmara dos Representantes
Período históricoNeoimperialismo
 • 1701Coroação de Frederico I
 • 1806Batalha de Jena-Auerstedt
 • 1815Congresso de Viena
 • 1848Constituição
 • 1871Unificação Alemã
 • 1918Abdicação de Guilherme II
 • 1919Tratado de Versalhes
Área
 • 1910348 779 km2
População
 • 1816 est.10 349 031 
 • 1871 est.24 689 000 
 • 1910 est.34 472 509 
MoedaReichsthaler (1701–1750)
Táler (1750–1857)
ereinsthaler (1857–1873)
Goldmark (1873–1914)
Papiermark (1914–1918)
Precedido por
Sucedido por
Banner of the Holy Roman Emperor (after 1400).svgSacro Império Romano-Germânico
Flag of Brandenburg (1660–1750).svgBrandemburgo-Prússia
Gdansk flag.svgCidade Livre de Danzig
Naval Ensign of Sweden.svgPomerânia sueca
Flag of Hesse.svgEleitorado de Hesse
Flag of the Free City of Frankfurt.svgCidade Livre de Frankfurt
Flagge Herzogtum Nassau (1806-1866).svgDucado de Nassau
Flag of Hanover 1837-1866.svgReino de Hanôver
Merchant Ensign of Holstein-Gottorp (Lions sinister).svgDucado de Holsácia
Flag of Denmark.svgDucado de Eslésvico
Flag of Lauenburg.svgSaxe-Lauemburgo
República de WeimarFlag of Germany (3-2 aspect ratio).svg

O Reino da Prússia (em alemão: Königreich Preußen) foi um reino alemão de 1701 a 1918 e, a partir de 1871, o principal Estado-membro do Império Alemão, compreendendo quase dois terços da área do império. Seu nome originou-se do território do Ducado da Prússia, embora sua base de poder tenha sido Marca de Brandemburgo. Foi centrado na região histórica da Prússia. Os reis da Prússia foram todos da Casa de Hohenzollern que governava anteriormente com sucesso a Marca de Brandenburgo e posteriormente englobaram a Prússia mais a leste, formando Brandemburgo-Prússia sob Frederico Guilherme, o "grande eleitor".

Com sua capital em Berlim desde 1451, os Hohenzollern como eleitores de Brandemburgo, levaram o Reino da Prússia a um papel de liderança na história da Alemanha. Em 1871, sob a liderança do chanceler Otto von Bismarck os estados alemães se uniram na criação do Império Alemão. Em novembro de 1918, com o fim da Primeira Guerra Mundial, as monarquias foram abolidas e a nobreza perdeu seu poder político. A Prússia, como unidade política, foi efetivamente abolida em 1932, durante o regime nazista e oficialmente em 1947.[1]

O nome Prússia deriva dos prussianos. No século XIII, os cruzados alemães, os Cavaleiros Teutônicos, conquistaram os "prussianos". Em 1308, os Cavaleiros Teutônicos conquistaram a região anteriormente polonesa de Pomerélia com Gdańsk (Danzig). Seu estado monástico foi principalmente germanizado pela imigração da Alemanha central e ocidental e do sul, e foi polonizado por colonos de Mazóvia. A Segunda Paz de Toruń (1466) dividiu a Prússia para o oeste Prússia Real, uma província da Polônia, e a parte oriental, a partir de 1525 chamada de Ducado da Prússia, um feudo da Coroa da Polônia até 1657. A união de Brandemburgo e o Ducado da Prússia em 1618 que levou à proclamação do Reino da Prússia em 1701.

A Prússia entrou no ranking das grandes potências, logo depois de se tornar um reino,[2][3][4][5] e exerceu maior influência nos séculos XVIII e XIX. Durante o século XVIII, tinha uma grande influência em muitos assuntos internacionais sob o reinado de Frederico, o Grande. Durante o século XIX, o chanceler Otto von Bismarck uniu os principados alemães em uma "Alemanha Menor" que excluía o Império Austríaco.

No Congresso de Viena (1814–1815), que redesenhou o mapa da Europa após a derrota de Napoleão, a Prússia adquiriu uma grande parte do noroeste da Alemanha, incluindo Ruhr rica em carvão. O país então cresceu rapidamente na influência econômica e política, e tornou-se o núcleo da Confederação da Alemanha do Norte em 1867, e depois do Império Alemão em 1871. O Reino da Prússia era agora tão grande e tão dominante na nova Alemanha que os junkers e outras elites prussianas eram cada vez mais identificadas como alemães e cada vez menos como prussianos. O reino foi dissolvido em 1918. Na República de Veimar, o estado da Prússia perdeu quase toda a sua importância jurídica e política em 1932. As velhas elites prussianas desempenharam um papel passivo no regime nazista; Prússia foi legalmente abolida em 1940. A Prússia Oriental perdeu toda a sua população alemã depois de 1945, quando a Polônia e a União Soviética anexaram seu território. O termo "prussiano" tem sido frequentemente utilizado, especialmente fora da Alemanha, para enfatizar o profissionalismo, agressividade, militarismo e o conservadorismo da classe junker de aristocratas que desembarcaram no Oriente, que dominaram primeiro a Prússia e depois o Império Alemão antes de 1918.

Símbolos

Ver artigo principal: Brasão de armas da Prússia

O principal brasão de armas da Prússia, bem como a bandeira da Prússia, que descreve a águia-preta sobre um fundo branco.

As cores nacionais em preto e branco já eram utilizadas pelos Cavaleiros Teutônicos e pela dinastia Hohenzollern. A Ordem Teutônica usava um casaco branco bordado com uma cruz preta com a inserção em ouro e a águia-preta imperial. A combinação das cores preto e branco com as cores branco e vermelho da Liga Hanseática das cidades livres Bremen, Hamburgo e Lubeque, bem como Brandemburgo, resultou na bandeira comercial preto-branco-vermelho da Confederação da Alemanha do Norte, que se tornou o bandeira do Império Alemão em 1871.

Suum cuique ("A cada um, o seu próprio"), o lema da Ordem da Águia Negra criado pelo rei Frederico I, em 1701, foi muitas vezes associado com toda a Prússia. A Cruz de Ferro, uma condecoração militar criado pelo rei Frederico Guilherme III em 1813, foi também comumente associado com o país. A região, originalmente povoada pelos antigos bálticos prussianos que foram cristianizados, tornou-se um local privilegiado para a imigração de alemães (mais tarde, principalmente protestantes) (ver Ostsiedlung), bem como polacos e lituanos ao longo das regiões fronteiriças.

En otros idiomas
Afrikaans: Koninkryk Pruise
aragonés: Reino de Prusia
العربية: مملكة بروسيا
asturianu: Reinu de Prusia
azərbaycanca: Prussiya krallığı
български: Кралство Прусия
Esperanto: Reĝlando Prusio
español: Reino de Prusia
Bahasa Indonesia: Kerajaan Prusia
македонски: Кралство Прусија
Bahasa Melayu: Kerajaan Prusia
Nederlands: Koninkrijk Pruisen
norsk nynorsk: Kongedømet Preussen
Papiamentu: Reino di Prusia
Norfuk / Pitkern: Prussia
română: Regatul Prusiei
srpskohrvatski / српскохрватски: Kraljevina Pruska
српски / srpski: Пруско краљевство
oʻzbekcha/ўзбекча: Prussiya qirolligi
Tiếng Việt: Vương quốc Phổ