Príncipe

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Príncipe (desambiguação) ou Princesa (desambiguação).
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde novembro de 2015). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser acadêmico)
Classificação da Nobreza
Heraldic Royal Crown (Common).svg
Imperador e Imperatriz
Rei e Rainha
Príncipe e Princesa
Infante e Infanta
Arquiduque e Arquiduquesa
Grão-duque e Grã-duquesa
Duque e Duquesa
Marquês e Marquesa
Conde e Condessa
Visconde e Viscondessa
Barão e Baronesa
Senhor e Senhora
Baronete e Baronetesa
Cavaleiro e Dama
Escudeiro e Escudeira
Para ver todos os títulos clique aqui

Príncipe (feminino: princesa) é a denominação dada ao chefe de estado (Príncipe governante) de um principado soberano[1] ou a um membro de uma família reinante ou imperante. Se for o último caso, este mesmo príncipe vem a ser súdito de um rei ou de um imperador, ainda que seja o herdeiro do trono. Atualmente, existem três principados independentes no mundo[2]: Andorra, Mônaco e Liechtenstein. Seu adjetivo é "principesco"[3] e não o real ou imperial. Como a ciência política bem ensina, é impossível haver esse aristocrata em repúblicas, haja vista que quem é príncipe, tem em seu título nobiliárquico[4], dignidade sobre tal território.

Na maioria das monarquias que seguem a nobiliarquia, o título de Príncipe é dado a todos os filhos de um chefe de Estado. Nessas monarquias o herdeiro do trono tem, normalmente, um título adicional para o distinguir dos outros príncipes (Ex.: Príncipe Real, Príncipe Imperial, Príncipe da Coroa, Príncipe Herdeiro etc.). Em algumas monarquias, o título de Príncipe é inclusivamente concedido a nobres não pertencentes directamente à dinastia soberana, como foi o caso do Reino da Prússia. Nas monarquias ibéricas, contudo, o título de Príncipe só é dado aos herdeiros do trono, recebendo os restantes filhos do soberano o título de Infante.

Mesmo príncipes sendo herdeiros até de tronos imperiais, os detentores desse título de nobreza com a mesma posição; ou seja a de sucessor de um imperador, deve ter seu título de nobreza imediatamente substituído pelo de rei.

O termo foi usado pela primeira vez pelo imperador Augusto no ano de 27 a.C. e vem do latim principis, princeps, que significa "o primeiro", Augusto usava o título de princeps inter pares ("o primeiro entre os pares ou cidadãos"), e era atribuído anteriormente ao chefe do senado romano como príncipe do senado.

Príncipe Herdeiro da Noruega

Príncipe

Títulos de Príncipe

Brasil

Bélgica

Dinamarca

Espanha

França

Inglaterra

Países Baixos

Grécia

Noruega

Portugal

En otros idiomas
አማርኛ: ልዑል
العربية: أمير (لقب)
asturianu: Príncipe
беларуская: Прынц
беларуская (тарашкевіца)‎: Прынц
български: Принц
буряад: Хан хүбүүн
català: Príncep
čeština: Princ
Cymraeg: Tywysog
dansk: Prins
Deutsch: Prinz
Zazaki: Prens
English: Prince
Esperanto: Princo
español: Príncipe
euskara: Printze
فارسی: شاهزاده
suomi: Prinssi
Frysk: Prins
Gaeilge: Prionsa
galego: Príncipe
עברית: נסיך
hrvatski: Princ
Bahasa Indonesia: Pangeran
íslenska: Prins
italiano: Principe
日本語: プリンス
Basa Jawa: Pangéran
ქართული: უფლისწული
한국어: 프린스
Latina: Princeps
latviešu: Princis
Bahasa Melayu: Putera
नेपाली: राजकुमार
Nederlands: Prins
norsk nynorsk: Prins
norsk: Prins
polski: Książę
Romani: Rayon
română: Prinț
русский: Принц
sicilianu: Prìncipi
Scots: Prince
srpskohrvatski / српскохрватски: Princ
Simple English: Prince
slovenčina: Princ
slovenščina: Princ
Basa Sunda: Pangéran
svenska: Prins
ไทย: เจ้า
Türkçe: Prens
українська: Принц
اردو: شہزادہ
vèneto: Principe
Tiếng Việt: Vương (tước hiệu)
中文: 王爵
Bân-lâm-gú: Prince
粵語: 親王