Miguel Ángel Asturias

Miguel Ángel Asturias Medalha Nobel
Nascimento19 de outubro de 1899
Cidade da Guatemala
Morte9 de junho de 1974 (74 anos)
Madrid
Nacionalidade Guatemala
OcupaçãoRomancista
PrêmiosPrêmio Lênin da Paz (1965), Medalha do prêmio Nobel Nobel de Literatura (1967)
Magnum opusBolivar: poema

Miguel Ángel Asturias Rosales (Cidade da Guatemala, 19 de outubro de 1899Madrid, 9 de junho de 1974) foi um escritor e diplomata guatemalteco.

Em 1965 foi-lhe atribuído o Prêmio Lenin da Paz e em 1967 o Nobel de Literatura.

Biografia e obra

Para o compositor José Castañeda escreve dois libretos das óperas: Emulo Lipolidón e Imágenes de Nacimiento.

Hombres de maíz (Homens de Milho - 1949) é reconhecida por muitos como sua obra-prima. Novela típica do realismo mágico, nela o autor mistura a linguagem e ritmo de sua prosa aos do povo que retrata, suas crenças fantásticas, suas antigas maneiras e costumes.

Permaneceu em temas semelhantes nas suas obras seguintes, como nas polêmicas novelas chamadas "A Trilogia da República da Banana" ("La trilogía de la república de la banana"), composta por: Viento fuerte (1950), El Papa verde (1954) e Los ojos de los enterrados (1960).

Seu teatro é menos conhecido, mas vem repleto de inconformismo e crítica social, como em Chantaje e Dique seco, ambas de 1964.

Faleceu em 1974. Está enterrado no cemitério de Père Lachaise em Paris.

En otros idiomas
azərbaycanca: Miqel Anxel Asturias
беларуская (тарашкевіца)‎: Мігель Анхель Астурыяс
Bahasa Indonesia: Miguel Ángel Asturias
Lëtzebuergesch: Miguel Ángel Asturias
لۊری شومالی: ميگل آنخل آستورياس
norsk nynorsk: Miguel Ángel Asturias
Simple English: Miguel Ángel Asturias
slovenščina: Miguel Ángel Asturias
oʻzbekcha/ўзбекча: Miguel Ángel Asturias
Tiếng Việt: Miguel Ángel Asturias
მარგალური: მიგელ ასტურიასი
Bân-lâm-gú: Miguel Ángel Asturias