Inglês jamaicano

Inglês jamaicano ou inglês padrão jamaicano (Jamaican English ou Jamaican Standard English) é um dialeto do inglês falado na Jamaica. Embora a variante apresente características tanto do inglês americano quanto do inglês britânico, tipicamente utiliza grafias do dialeto britânico, rejeitando as formas americanas. [1]

Embora a distinção entre os dois seja melhor descrita como um contínuo, e não uma divisão "sólida", [2] o inglês jamaicano não deve ser confundido com o patois jamaicano, chamado por alguns linguistas de crioulo jamaicano, nem com o vocabulário e a linguagem utilizada pelo movimento rastafári [3] (" patois" ou "patwa" é um termo francês que se refere às línguas regionais francesas, que incluem alguns idiomas crioulos, porém na Jamaica o termo se refere ao crioulo jamaicano, visto tradicionalmente pelos jamaicanos como inglês "Quebrado" ou Incorreto).

Gramática

O inglês jamaicano padrão é gramaticalmente semelhante ao inglês britânico padrão (ver inglês britânico). Recentemente, no entanto, devido à proximidade geográfica e cultural com os Estados Unidos, e os laços econômicos resultantes, bem como as altas taxas de migração (assim como a ubiquidade dos produtos de entretenimento americanos, como filmes, televisão a cabo e música popular), a influência do inglês americano aumentou de maneira constante. Como resultado deste fenômeno, estruturas como "I don't have" ("Eu não tenho") ou "you don't need" ("você não precisa") são preferidas universalmente às formas herdadas dos britânicos, como "I haven't got" ou "you needn't".