Imigração

Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde maio de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser acadêmico)
Percentual da população imigrante de cada país em relação à população total (2008).[1]
  Mais de 50%
  20% a 30%
  10% a 20%
  4% a 10%
  1% a 4%
  Menos de 1%

Considera-se como imigração o movimento de entrada, com ânimo permanente ou temporário e com a intenção de trabalho ou residência, de pessoas ou populações, de uma determinada área de um país para outra.

O imigrante nunca deve ser confundido com:

  • o nómada, é aquele que se desloca entre uma ou mais fronteiras, sem fixar residência;
  • o emigrante, aquele que sai de um país com ânimo permanente ou temporário e com a intenção de buscar trabalho e/ou residência em outro país;
  • o colono, aquele que se desloca para uma região geralmente pouco povoada de seu país de origem, ou de um território dominado por este país, com o intuito de ali fixar residência e produzir economicamente. Esta colonização também pode se revestir de um caráter político de ocupação, dominação ou exploração de um território por um governo.
  • os escravos, banidos, deportados ou exilados, aqueles deslocados de seus países de origem compulsoriamente.
  • os refugiados, aqueles deslocados temporariamente em razão de guerras ou catástrofes naturais em seu país de origem.
  • os expatriados, aqueles trabalhadores transferidos de empresa transnacional para trabalhar em outro país.

Causas

A imigração em geral ocorre por motivos pessoais ou pela busca de melhores condições de vida e de trabalho por parte dos que imigram, ou ainda para fugir de perseguições ou discriminações por motivos religiosos ou políticos. Foi o principal motivo dos movimentos migratórios ocorridos da Europa e da Ásia para as Américas nos séculos XV, XVI, XVII, XVIII e XIX e também no início do século XX (muito embora houvesse também o interesse na entrada de imigrantes, por razões demográficas ou para o "branqueamento" de sua população, por parte dos países de acolhimento). Esse processo também pode ser incentivado por governos de países que queiram aumentar o tamanho e/ou a qualificação de sua população, como ainda fazem, por exemplo, o Canadá e Austrália desde o século XIX.

En otros idiomas
العربية: هجرة (فعل)
asturianu: Inmigración
azərbaycanca: Mühacirət
Boarisch: Zuagroaste
беларуская: Іміграцыя
беларуская (тарашкевіца)‎: Іміграцыя
български: Имиграция
bosanski: Imigracija
català: Immigració
čeština: Imigrace
Cymraeg: Mewnfudo
Deutsch: Einwanderung
Ελληνικά: Μετανάστευση
English: Immigration
Esperanto: Enmigrado
español: Inmigración
euskara: Immigrazio
فارسی: مهاجرت
français: Immigration
Gaeilge: Inimirce
galego: Inmigración
हिन्दी: आव्रजन
hrvatski: Useljeništvo
Kreyòl ayisyen: Imigrasyon
հայերեն: Ներգաղթ
Bahasa Indonesia: Imigrasi
Ido: Enmigro
íslenska: Aðflutningur
italiano: Immigrazione
日本語: 移民
Basa Jawa: Imigrasi
қазақша: Иммиграция
Latina: Immigratio
Limburgs: Immigratie
lietuvių: Imigracija
latviešu: Imigrācija
македонски: Доселување
Bahasa Melayu: Imigrasi
Nederlands: Immigratie
norsk nynorsk: Innvandring
polski: Imigracja
پښتو: مهاجرت
română: Imigrație
саха тыла: Иммиграция
srpskohrvatski / српскохрватски: Imigracija
Simple English: Immigration
slovenčina: Prisťahovalectvo
slovenščina: Priseljevanje
shqip: Imigrimi
српски / srpski: Имиграција
svenska: Invandring
Tagalog: Pandarayuhan
Türkçe: Göçmen
українська: Імміграція
اردو: ترک وطن
Tiếng Việt: Nhập cư
中文: 外來移民