Grécia Antiga



Grécia Antiga
1 100 a.C. – 146 a.C.
Localização de Grécia Antiga
Mapa das colônias gregas no mar Mediterrâneo durante o Período Arcaico.
Parthenon from west.jpg
O Partenon, um templo dedicado à deusa Atena, localizado na Acrópole de Atenas, é um dos símbolos mais representativos da cultura e da sofisticação dos gregos antigos
ContinenteEurásia e África
CapitalNão especificada
Língua oficialGrego antigo
ReligiãoReligião grega antiga
GovernoCidades-Estados
Período históricoAntiguidade
 • 1 100 a.C.Fundação
 • 146 a.C.Conquista pelos romanos

Grécia Antiga em grego: Ἑλλάς; Hellás) foi uma civilização pertencente a um período da história grega que abrange desde o Período Homérico dos séculos XII a IX a.C. até o fim da antiguidade (c. 600 dC). Imediatamente após este período foi o início do início da Idade Média e da era bizantina.[1]

Aproximadamente três séculos após o Colapso da Idade do Bronze da Grécia micênica, as pólis urbanas gregas começaram a se formar no século VIII a.C., dando início ao Período Arcaico e à colonização da Bacia do Mediterrâneo. Isto foi seguido pelo período da Grécia Clássica, uma era que começou com as Guerras Greco-Persas, que durou do século V ao século IV a.C. Devido às conquistas de Alexandre, o Grande da Macedônia, o Período Helenístico floresceu da Ásia Central até o extremo oeste do Mar Mediterrâneo. Esta era chegou ao fim com as conquistas e anexações do mundo mediterrâneo oriental pela República Romana, que estabeleceu a província romana da Macedônia na Grécia romana e mais tarde a província de Acaia, durante o Império Romano.

A cultura grega clássica, especialmente a filosofia, teve uma influência poderosa na Roma Antiga, que carregou uma versão dela para muitas partes da Bacia do Mediterrâneo e da Europa. Por essa razão, a Grécia Clássica é geralmente considerada a cultura seminal que forneceu a base da cultura ocidental moderna e é considerada o berço da civilização ocidental.[2][3][4]

Os gregos clássicos davam grande importância ao conhecimento. Ciência e religião não eram separadas e aproximar-se da verdade significava aproximar-se dos deuses. Nesse contexto, eles entendiam a importância da matemática como um instrumento para obter um conhecimento mais confiável ("divino").[5] A cultura grega, em poucos séculos e com uma população limitada, conseguiu explorar e progredir em muitos campos da ciência, matemática, filosofia e conhecimento em geral, o que deixou um legado duradouro.

Cronologia

Período Duração Observações Ref.
Pré-Homérico 2 000-1 100 a.C. Penetração de povos indo-europeus na Grécia: aqueus (2000-1 200 a.C.), eólios (1 700 a.C.) e Jônios (1 700 a.C.); Civilização Minoica continua a prosperar (3000 - 1 400 a.C.) e a Civilização Micênica é formada (1600-1 200 a.C.); dóricos invadem a Hélade no final do período (1 200 a.C.) [6]
Período homérico 1 100-800 a.C. Ruralização, ausência de escrita e formação dos genos; período da criação das obras de Homero, Ilíada e Odisseia. [7]
Arcaico 800-500 a.C. Formação da pólis, a colonização grega, o aparecimento do alfabeto fonético além de progresso econômico com a expansão da divisão do trabalho, do comércio e da indústria. [8][9]
Clássico ou Século de Péricles 500-338 a.C. Bipolarização da Grécia entre Esparta (com a Liga do Peloponeso) e Atenas (com a Liga de Delos). Ocorrência das Guerras Médicas e da Guerra do Peloponeso, bem como da hegemonia de Tebas no fim do período. [10][11]
Helenístico 338-146 a.C. Crise da pólis, conquista do Império Aquemênida e expansão cultural helenística. [11]
En otros idiomas
aragonés: Antiga Grecia
asturianu: Antigua Grecia
azərbaycanca: Qədim Yunanıstan
башҡортса: Боронғо Греция
žemaitėška: Senuobės Graikėjė
беларуская (тарашкевіца)‎: Старажытная Грэцыя
български: Древна Гърция
brezhoneg: Henc'hres
bosanski: Antička Grčka
буряад: Эртын Греци
Mìng-dĕ̤ng-ngṳ̄: Gū Hĭ-lé-nà̤
нохчийн: Шира Греци
Чӑвашла: Авалхи Греци
Ελληνικά: Αρχαία Ελλάδα
Esperanto: Antikva Grekio
español: Antigua Grecia
føroyskt: Forna Grikkaland
français: Grèce antique
Nordfriisk: Ual Griichenlun
贛語: 古希臘
客家語/Hak-kâ-ngî: Kú Hî-lia̍p
Fiji Hindi: Purana Greece
hrvatski: Stara Grčka
Kreyòl ayisyen: Grès ansyen
interlingua: Grecia antique
Bahasa Indonesia: Yunani Kuno
ГӀалгӀай: Шира Эллада
italiano: Antica Grecia
Basa Jawa: Yunani kuna
한국어: 고대 그리스
Перем Коми: Важ Эллада
Lingua Franca Nova: Elas antica
latviešu: Senā Grieķija
олык марий: Акрет Греций
македонски: Стара Грција
монгол: Эртний Грек
Bahasa Melayu: Yunani Purba
Mirandés: Grécia Antiga
မြန်မာဘာသာ: ရှေးခေတ်ဂရိ
Napulitano: Grecia antica
Plattdüütsch: Ool Grekenland
नेपाल भाषा: प्राचीन यवन
Nederlands: Oude Griekenland
norsk nynorsk: Hellas i antikken
Piemontèis: Grecia antica
پنجابی: پرانا یونان
Runa Simi: Mawk'a Grisya
română: Grecia Antică
русиньскый: Старовіке Ґрецько
саха тыла: Былыргы Греция
sicilianu: Grecia antica
srpskohrvatski / српскохрватски: Antička Grčka
Simple English: Ancient Greece
slovenčina: Staroveké Grécko
slovenščina: Antična Grčija
српски / srpski: Античка Грчка
Kiswahili: Ugiriki ya Kale
тоҷикӣ: Юнони Қадим
Türkmençe: Gadymy Gresiýa
татарча/tatarça: Борынгы Греция
українська: Стародавня Греція
oʻzbekcha/ўзбекча: Qadimgi Yunoniston
vèneto: Gresia antica
Tiếng Việt: Hy Lạp cổ đại
Winaray: Hadton Gresya
吴语: 古希腊
中文: 古希腊
文言: 古希臘
Bân-lâm-gú: Kó͘-tāi Hi-lia̍p
粵語: 古希臘