Federico Mayor Zaragoza

Federico na Universidade Internacional de Andalucía em 2007.

Federico Mayor Zaragoza (Barcelona, 1934) é um político e boticário espanhol. Ocupou o cargo de diretor-geral da UNESCO, de 1987 a 1999.

Federico obteve o doutorado em farmácia da Universidade de Madri em 1958. Em 1963 ele tornou-se professor de bioquímica na Escola de Farmácia da Universidade de Granada e em 1968 foi eleito reitor da universidade, cargo que ocupou até 1972. No ano seguinte ele foi apontado para ser professor de bioquímica na Comunidade de Madri. Em 1974 fundou o Centro de Biologia Molecular Severo Ochoa.[1]

  • entrevistas

Entrevistas

Referências


Precedido por
Juan Antonio Ortega
Ministro da Educação de Espanha
1981 — 1982
Sucedido por
José María Maravall
Precedido por
Amadou-Mahtar M'Bow
Director-geral da UNESCO
1987 — 1999
Sucedido por
Koichirō Matsuura
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia .
En otros idiomas