Calque

Em linguística, e mais precisamente em lexicologia, etimologia e linguística comparada, chama-se calque, calco ou decalque a um procedimento de formação de palavras que consiste em cunhar novos termos mediante a tradução de vocábulos estrangeiros e conforme as estruturas da língua de origem. É um tipo de empréstimo léxico particular, no qual o termo emprestado foi traduzido literalmente de uma língua para a outra, considerando mais a forma do que a ideia. Portanto, é basicamente uma tradução do empréstimo. Em consequência, pode-se dizer que um calque é menos criativo do que um neologismo nativo (a exemplo dos termos 'proativo', 'acessar' e 'deletar' , do inglês; ' parapente', do francês; 'esbórnia', do italiano) e mais criativo do que um empréstimo de palavra estrangeira.

Trata-se de um recurso usado especialmente quando se quer exprimir um conceito novo, chegado do exterior, e não se quer adotar a palavra estrangeira. Para alguns autores, no entanto, esse tipo de empréstimo pode ser bastante problemático. Segundo o linguista italiano Vittore Pisani (1899 – 1990), alguns puristas, tentando escapar de influências externas, recorrem ao decalque - não percebendo que "enquanto eliminam um elemento puramente exterior, introduzem, por meio do calco, uma forma de pensamento bem mais perigosa para a essência da língua nacional". [1]

Na língua portuguesa, há inúmeros exemplos de decalque. São principalmente lexias compostas e majoritariamente provindas do inglês. [2]

Em geral, distinguem-se calques semânticos e morfológicos.

Calque semântico

A criação de uma palavra pode simplesmente consistir em dar um significado novo a um termo já existente. Por exemplo, em anos recentes, o verbo realizar tem sido usado, na linguagem coloquial, no sentido de 'perceber' ou 'dar-se conta de algo'. Tal acepção não é portuguesa, mas provém do inglês to realize, e a sua admissibilidade é discutível. Da mesma forma, é usado o termo 'salvar' com referência à memorização digital. Nesse caso também se trata de um calco semântico do inglês to save, que prevê também essa acepção.

En otros idiomas
azərbaycanca: Kalka (dilçilik)
беларуская: Калька (лексіка)
беларуская (тарашкевіца)‎: Калькаваньне
български: Калка
čeština: Kalk
English: Calque
Esperanto: Paŭso
eesti: Tõlkelaen
euskara: Kalko
hrvatski: Prevedenice
interlingua: Calco
Bahasa Indonesia: Pinjam terjemah
íslenska: Tökuþýðing
日本語: 翻訳借用
қазақша: Калька
한국어: 번역차용
latviešu: Kalks
മലയാളം: കാൽക്
Bahasa Melayu: Pinjam terjemah
Nederlands: Leenvertaling
norsk nynorsk: Importord
русиньскый: Калька
Scots: Calque
slovenčina: Kalk
slovenščina: Kalk
српски / srpski: Kalk
中文: 借译
Bân-lâm-gú: Chioh-e̍k