Bandeira nacional
English: National flag

Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2014). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser acadêmico)
Wiki letter w.svg
Por favor, , expandindo-o. Mais informações podem ser encontradas nos artigos correspondentes noutras línguas e também na página de discussão.
Nova tabela de emblemas nacionais de Johnson, publicado c. 1868. As grandes bandeiras mostradas nos cantos são a bandeira de 37 estrelas dos Estados Unidos (de 1867 a 1877), o Real Estandarte do Reino Unido, o Estandarte Imperial Russo e o tricolor francês com águia imperial embutida. Várias outras bandeiras hasteadas por navios são mostradas. A bandeira de Cuba é rotulada como "cubana (assim chamada)". O dragão chinês na bandeira da China foi desenhado erroneamente como um dragão ocidental.

Uma bandeira nacional consiste numa bandeira que representa e simboliza uma nação. Além de representar a independência, a soberania e a unidade da nação, a bandeira nacional pode representar outras das suas características, tais como a língua. É frequentemente usada para demonstrar a posse de um território por parte de um país. A bandeira nacional de um país é primariamente usada pelo respetivo governo e outras autoridades públicas, mas geralmente é também permitido e comum o uso particular da mesma pelos cidadãos do país.

Uma bandeira nacional é projetada com significados específicos para suas cores e símbolos. As suas cores podem ser usadas pelo povo de uma nação para demonstrar o seu patriotismo. Uma parafernália relacionada, que mostre que os símbolos ou cores da bandeira nacional, pode também ser usada para esses propósitos. O desenho de uma bandeira nacional pode ser alterado após a ocorrência de importantes eventos históricos.

A maior parte das bandeiras nacionais têm formato retangular, embora também existam bandeiras quadrangulares, triangulares ou com outras formas mais complexas.

Pela sua importância como símbolo de uma nação, a queima ou destruição de uma bandeira nacional constitui um ato muito simbólico de protesto contra um país ou as suas políticas. Atos deste tipo constituem crimes em inúmeros países.

História

Bandeira nacional da Dinamarca, frquentemente considerada a mais antiga em uso contínuo.

Historicamente, as bandeiras tiveram origem em sinais militares destinados a identificar unidades e chefes militares no campo de batalha. Alguns destes chefes militares eram monarcas e as suas bandeiras passaram a ser gradualmente associadas e a identificar os estados dos quais os mesmos eram soberanos.

O uso generalizado de bandeiras como um distintivo específico de nacionalidade apareceu durante a era da navegação à vela, sobretudo a partir do início do século XVII. Este uso resultou da necessidade prática de existir um sinal que identificasse facilmente a nacionalidade de um navio, no âmbito do cumprimento das leis marítimas e tratados de navegação entre estados. Para além da identificação da sua nacionalidade, as bandeiras arvoradas num navio também poderiam dar outras indicações sobre o mesmo, tais como se o mesmo era um navio de guerra ou mercante. Ainda hoje, muitos países dispõem de diferentes modelos de bandeiras nacionais para uso marítimo, cada qual destinada a ser arvorada em cada um dos tipos de navios.

Com o surgimento do sentimento nacionalista a partir do final do século XVIII, apareceu a necessidade de emblemas nacionais que pudessem ser usados também em contextos civis e já não apenas no âmbito militar e náutico. Inicialmente, desenvolveram-se cocardes ou laços nacionais, que se tornaram no emblema nacional por excelência. Aos laços nacionais, seguiu-se o desenvolvimento de bandeiras nacionais, frequentemente inspiradas naqueles. Notáveis ​​exemplos iniciais são a bandeira dos Estados Unidos - que foi adotada pela primeira vez como bandeira naval em 1777, mas começou a ser exibida como um símbolo genérico dos Estados Unidos após a Revolução Americana - e a bandeira da França, que se tornou um símbolo da Primeira República Francesa na década de 1790.

A maioria dos países da Europa adotou uma bandeira nacional no decorrer do século XIX. Estas bandeiras nacionais baseavam-se frequentemente em antigas bandeiras marítimas, militares ou estatais, cujo uso foi alargado também para contextos diferentes dos originais, sendo-lhes atribuído um significado de emblema nacional. Outras bandeiras nacionais foram totalmente criadas de novo, frequentemente incorporando no seu desenho as cores dos laços nacionais já em uso nos respetivos países. Para além dos países europeus, também a maioria dos países da América Latina adotou bandeiras nacionais durante o início do século XIX, quando da sua independência. No final do século XIX, a tendência foi seguida por países de outros continentes, tais como o Japão e a China.

A questão de qual é a bandeira nacional mais antiga em uso não é de fácil resposta. A resposta depende de como definir a sua introdução como bandeira nacional, seja ela o seu simples uso ou a sua legitimação oficial através de um diploma legislativo. A Bandeira da Dinamarca - conhecida por Dannebrog (literalmente "Pano Dinamarquês") - é frequentemente referida como a mais antiga bandeira nacional do mundo. A lenda conta-nos que a mesma foi adotada pelo Rei Valdemar II, a 15 de junho de 1219, quando caiu do céu na Batalha de Lyndanisse. A mais antiga ilustração da bandeira data do século XIV. Foi oficialmente adotada em 1625, as suas especificações foram codificadas em 1748, mas só em 1854 foi declarada bandeira nacional.[1]

A Bandeira da Áustria também é reclamada como sendo a bandeira mais antiga do mundo ainda em uso. Segundo a lenda, a bandeira foi criada em 1191, depois da conquista de Acre, durante a Terceira Cruzada, tornando-se um símbolo da Casa de Habsburgo. A sua mais antiga imagem data de 1230. Em 1786, passou a ser usada como bandeira naval e, em 1918, passou a ser a bandeira nacional da República da Áustria.

En otros idiomas
Afrikaans: Nasionale vlag
العربية: علم وطني
Ελληνικά: Εθνική σημαία
English: National flag
Esperanto: Nacia flago
eesti: Riigilipp
فارسی: پرچم ملی
français: Drapeau national
עברית: דגל לאומי
հայերեն: Ազգային դրոշ
Bahasa Indonesia: Bendera nasional
íslenska: Þjóðfáni
日本語: 国旗
қазақша: Санат:Тулар
한국어: 국기
മലയാളം: ദേശീയപതാക
မြန်မာဘာသာ: နိုင်ငံတော်အလံ
Nederlands: Nationale vlag
norsk nynorsk: Nasjonalflagg
संस्कृतम्: राष्ट्रियध्वजः
svenska: Nationsflagga
Tiếng Việt: Quốc kỳ
中文: 国旗
文言: 國旗
粵語: 國旗