BAP Aguirre (CH-84)

BAP Aguirre
SH-3As USS Essex De Zeven Provincien 1967.jpg
O De Zeven Provincien durante um exercício de treinamento com a marinha dos Estados Unidos.
Carreira Flag of the Netherlands.svg Flag of Peru (state).svg
OperadorPeru Marinha do Peru
FabricanteWilton-Fijenoord, Schiedam
Lançamento19 de dezembro de 1941
Comissionamento18 de novembro de 1953 (Marinha Holandesa)
24 de fevereiro de 1978 (Marinha Peruana)
EstadoTirado de serviço no ano 2000
Outro(s) nome(s)HNLMS De Zeven Provinciën (C802)
Características gerais
ClasseClasse De Zeven Provinciën, cruzador
Tonelagem9 681 toneladas (padrão)
12 165 toneladas (totalmente carregado)
Largura17,25 m
Comprimento187,32 m
Calado11,65 m
Velocidade32 nós (59 km/h)
AeronavesTrês helicópteros ASH-3D Sea King
Tripulação47 oficiais e 606 marinheiros

BAP Aguirre (CH-84) foi um cruzador da , pertencente a Marinha de Guerra do Peru. Completado e posto em serviço pela Marinha Real Holandesa em 1953 como HNLMS De Zeven Provinciën, o navio foi, após duas décadas de serviço, descomissionado em 1976 e então vendido ao Peru. Antes de ser transferido para o Oceano Pacífico, o navio passou por um extenso programa de modernização pela Rotterdamse Droogdok Maatschappij (RDM) nos estaleiros de Roterdã. Entre as modificações feitas, foram removidos os sistemas de lançamento de mísseis SAM RIM-2 Terrier e a instalação de um hangar e de um deck de decolagem e pouso de aeronaves. As atualizações foram completadas em 31 de outubro de 1977 e ele foi oficialmente comissionado em 24 de fevereiro de 1978 na base naval holandesa de Den Helder. Renomeado Aguirre, em honra ao comandante peruano Elías Aguirre, ele chegou ao porto de Callao em 17 de maio de 1978.[1]

Em serviço como o BAP Aguirre, ele participou de várias missões e manobras de treinamento multinacional pela UNITAS. De 7 de agosto de 1986 até 15 de fevereiro de 1988, enquanto o cruzador BAP Almirante Grau passava por um grande processo de modernização na Holanda, o Aguirre foi temporariamente renomeado Almirante Grau e designado como o navio-almirante da frota peruana.[2]

No fim dos anos 90, os sitemas do navio começaram a mostrar sinais de idade (a embarcação já estava em serviço há quase 50 anos), mas a falta de recursos financeiros impediram um novo processo de modernização. Finalmente, em 21 de março de 1999, ele foi oficialmente aposentado.[3]

Referências

  1. Rodríguez Asti, John, Cruceros. Buques de la Marina de Guerra del Perú desde 1884. Dirección de Intereses Marítimos, 2000.
  2. "Toppan, Andrew, World Aircraft Carriers List: Peru". Acessado em 23 de maio de 2012.
  3. Jane's Major Warships 2003
En otros idiomas