Acarina

Como ler uma infocaixa de taxonomiaAcarina (ou Acari),
ácaros e carrapatos
Carrapato macho
Carrapato macho
Classificação científica
Domínio:Eukariota
Reino:Animalia
Sub-reino:Metazoa
Filo:Arthropoda
Subfilo:Chelicerata
Classe:Arachnida
Subclasse:Acarina (ou Acari)
Leach, 1817
Superordens
(sugere-se merge com Ácaro pois são ambos subclasse Acari (Q19137) causando confusão)

Acarina, também frequentemente designada por Acari, é uma subclasse de artrópodes da classe Arachnida que inclui a generalidade das espécies que recebem o nome comum de ácaros e carrapatos. O grupo tem natureza cosmopolita, estando representado na generalidade dos habitats e zonas climáticas.

Descrição

São pequenos, muitos chegam a ser microscópicos, e apresentam o cefalotórax e o abdómen fundidos e não segmentados, cobertos por uma carapaça protetora.

Estão distribuídos por todo o planeta, até mesmo em regiões polares, desertos e fontes termais. São comuns em todos os lugares, alimentando-se de material vegetal e animal, fresco ou em putrefação, além de seivas de plantas, pele, sangue e outros tecidos de vertebrados terrestres.

Acredita-se que a miniaturização tenha sido um fator fundamental no sucesso dos ácaros, permitindo a exploração de habitats não-acessíveis a aracnídeos maiores. Muitos são parasitas e por isso assume importância económica.

Apresentam desenvolvimento indireto, com estágio larval de seis patas que, após uma muda, origina um indivíduo de oito patas.

Carrapatos alimentam-se de sangue de répteis, aves e mamíferos, utilizando suas pinças bucais sugadoras. Chegam a expandir o corpo quando repletos de sangue.

Os hábitos alimentares são muito variados, mas conservam a característica dos aracnídeos de ingerir líquidos e, no caso de alimentos sólidos, realizar digestão externa que prepara o alimento para a ingestão.

Alguns ácaros causam sérios problemas para plantações de algodão e árvores frutíferas, entre outras.

Entre os ácaros parasitas do homem, existem os que atingem os folículos pilosos e glândulas sebáceas, como Demodex folliculorum, e parasitas cutâneos, como Sarcoptes scabiei, o causador da sarna humana. Este forma túneis na epiderme e liberta secreções que provocam forte irritação. A deposição contínua de ovos nos túneis garante a perpetuação da infestação. O contato com áreas infestadas da pele pode transmitir o ácaro para outro hospedeiro.

En otros idiomas
العربية: قراديات
asturianu: Acari
azərbaycanca: Gənələr
башҡортса: Талпандар
беларуская: Кляшчы
български: Акари
বিষ্ণুপ্রিয়া মণিপুরী: আকারি
brezhoneg: Akarian
català: Àcar
čeština: Roztoči
Cymraeg: Acari
dansk: Mider
Deutsch: Milben
Ελληνικά: Άκαρι
English: Acari
Esperanto: Akaro
español: Acari
eesti: Lestalised
euskara: Akaro
suomi: Punkit
français: Acari
galego: Ácaros
עברית: אקריות
hrvatski: Acarina
magyar: Atkák
Bahasa Indonesia: Tungau
Ido: Akaro
íslenska: Mítlar
italiano: Acarina
日本語: ダニ
Basa Jawa: Tungau
ქართული: ტკიპები
қазақша: Кенелер
한국어: 진드기아강
Кыргызча: Кенелер
Latina: Acari
Lëtzebuergesch: Milben
Lingua Franca Nova: Acaro
latviešu: Ērces
македонски: Крлежи
മലയാളം: അകാരിന
кырык мары: Пыйи
Plattdüütsch: Mieten
Nederlands: Acarina
norsk nynorsk: Midd
norsk: Midder
occitan: Acari
Ирон: Гæбы
Runa Simi: Khiki
rumantsch: Chariels
română: Acarieni
Scots: Acari
srpskohrvatski / српскохрватски: Acarina
Simple English: Acarina
slovenčina: Roztoče
slovenščina: Pršice
svenska: Kvalster
ትግርኛ: ሚተ
удмурт: Лемтэй
українська: Кліщі
اردو: علم حلم
oʻzbekcha/ўзбекча: Kanalar
vepsän kel’: Kägentäid
Tiếng Việt: Ve bét
中文: 蜱蟎亞綱
粵語: 蜱蟎亞綱